quinta-feira, 28 de junho de 2018

Renault não vai mais vender Duster, Sandero e Logan


A nova geração do Duster será o último produto que Dacia e a Renault irão compartilhar. A informação vem do jornal Le Figaro, que ouviu o gerente global de marketing da Renault, Sylvain Coursimault, soltar essa bomba. Com isso, modelos como o Duster, Sandero e o Logan deixarão de receber o emblema da Renault na grade.

Isso afetaria drasticamente a linha da marca no Brasil. Que é quase que totalmente composta pelos carros da Dacia. Um indício que que isso poderia acontecer em breve é que o Kwid nunca foi vendido como Dacia em lugar nenhum do mundo. Ele é um projeto de origem da Renault indiana.

É possível que a marca francesa continue usando a plataforma do Duster para criar novos SUVs. Como já fez com o Captur no Brasil. Porém, a retirada dos Dacia abre um buraco que terá que ser preenchido com novos Renault de verdade que ainda nem saíram do papel em um futuro próximo. Um grande desafio para a fabricante.